O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

  Outros Números
 
 
  Latusa Digital Nº 42/43 Agosto e Dezembro de 2010 / Ano 7 - ISSN 2175-1579  
 
  Editorial  
 

Com esta edição encerramos os números de Latusa Digital do Ano 7. O sucesso do novo site e da nova cara da revista nos anima a prosseguir buscando produções que reflitam sobre os tempos atuais e os desafios que eles nos colocam.
Caminhamos com Fernanda Otoni e sua experiência com jovens. Seu texto aposta que as respostas dadas por eles àquilo que a sociedade lhes oferece, podem ajudar a sair da aplicação fria da lei e levar ao manejo inclusivo do que agita cada sujeito.
Heloisa Caldas há muito pesquisa e reflete sobre o amor. No texto que ora nos oferece trata da diferença entre o discurso do amor e a escrita do amor, enfatizando que tanto um quanto outro estão sedimentados em um terreno de semblantes. São vias diversas que tratam do incompatível entre demanda e desejo e servem de tratamento ao gozo pela via do delírio.
Flávia Brasil se propõe a pensar a violência desde Freud, distingui-la da agressividade para, de suas reflexões, extrair a responsabilidade do sujeito que tem como profissão ser policial. Mesmo autorizados a exercer a violência, alguns excessos cometidos retornam sobre o sujeito, ou deveriam retornar, para que o incontrolável do gozo encontre a responsabilidade de cada um por seu próprio ato.
Maria Inês Lamy, Andrea Reis, Marcus André Vieira e eu compusemos a mesa de abertura do evento representando a comissão científica das XX Jornadas Clínicas da EBP-Rio e do ICP-RJ – Um apego singular: a transferência e suas surpresas. Uma Jornada bem cuidada em sua organização mereceu o mesmo tratamento epistemológico. Nossas falas na ocasião estão agora disponíveis para quem se interessar em refletir sobre o tema da transferência tanto clínica quanto de trabalho.
Nas Seções encontramos um delicioso comentário sobre o não menos delicioso filme Mary and Max feito por Ana Tereza Groisman e Selma Ranieri no Trocando Figurinhas. Nas resenhas, temos o relato vivo do Seminário Ressonâncias elaborado por Lourenço Astúa de Moraes e no Corta e Cola dois links preciosos: uma entrevista de Éric Laurent sobre a ‘época do mais’ e a íntegra da Conferência de Graciela Brodsky nas Jornadas Clínicas de 2010 cujo título é “Desapego”.
Esta é a nossa Latusa Digital. Continuamos apostando na leveza e inovação, convocando os colegas a participarem com artigos, resenhas, comentários de peças, exposições e filmes. As normas de publicação estão no site e a data limite para envio visando o próximo número, que sairá no final de abril, é dia 15.
Não se reprimam! Mandem.

Ondina Machado


 
 
 
    Seções de Latusa Digital  
 
    Trocando Figurinhas
A equipe de Latusa selecionou comentários de filmes e exposições.

 
 
 
    Corta e Cola
Notícias interessantes que saíram na internet.
 
 
 
    Resenhas
   
   
   
 
 
 
 
  Os jovens que falam – a torto e a direito!  
 

Fernanda Otoni de Barros-Brisset

A época que hoje atravessamos traz novos impasses, novos contornos e são os jovens que, ao seu modo, têm nos apresentado os esboços de respostas que constituirão o que está por vir.

 
 
Leia mais
 
 
  O delírio no cotidiano do amor  
 

Heloisa Caldas

O objetivo desse pequeno texto é tomar alguns pontos da teoria freudiana e lacaniana sobre o amor...

 
 
Leia mais
 
 
  Entre a lei e o ato: considerações acerca da violência policial  
 

Flávia Brasil Lima

A violência que verificamos na vida cotidiana das grandes cidades é um importante e alarmante fenômeno social de nossa contemporaneidade e, como tal, necessita ser pensada mais pormenorizadamente.

 
 
Leia mais
 
 
  Um apego singular: a transferência e suas surpresas  
 

Maria Inês Lamy

No princípio era o amor – é assim que Jacques Lacan circunscreve o ponto de origem da psicanálise.


 
 
Leia mais
 
 
  Perplexidades consagradas pelo tempo  
 

Andréa Reis Santos

A transferência como apego singular comparece nestas jornadas não só no tema de trabalho destes dois dias de encontro, mas também como combustível que fez funcionar toda a engrenagem da sua organização.

 
 
Leia mais
 
 
  A experiência pelo avesso e o psiu de luz  
 

Marcus André Vieira

Abrindo as vigésimas Jornadas da EBP-Rio, quero, para começar, agradecer a generosidade de suas coordenadoras que permitiu pudéssemos franquear o impressionante marco de duas décadas com uma experiência coletiva de organização.


 
 
Leia mais
 
 
  A transferência como prática clínica e política  
 

Ondina Maria Rodrigues Machado

Nestas XX Jornadas vamos falar da transferência como conceito clínico e demonstrá-la como prática política.


 
 
Leia mais